Como se conectar com a Criança Interior em 5 passos

Foto por Suvan Chowdhury em Pexels.com

Aprender a se conectar com a Criança Interior traz uma  riqueza de informações que talvez você esteja buscando há um bom tempo. Na verdade, são respostas que falam sobre a sua essência e verdades que apenas esperam para ser reveladas a você. Será este o seu momento de descobrir quais são?

Desde criança, você acumulou medos, iras e mágoas dos adultos à sua volta e registrou padrões de pensamento que até hoje te limitam. Esse bloqueio acontece como uma proteção inconsciente. Mas que te afasta do que você realmente veio manifestar neste mundo.

E a vontade de se conectar com a Criança Interior não deve acontecer por simples curiosidade. Ela merece mais do que isso. Ela merece o seu desejo de querer ouvi-la, de se reconectar com ela e de mudar.

A Conexão e os Registros Akáshicos

Você precisa ter mente e coração abertos para esse contato. Esta é uma ligação muito intuitiva, que você vai aperfeiçoando enquanto se conecta cada vez mais com ela.

Os Registros Akáshicos podem te ajudar como uma ferramenta para aprimorar sua intuição e te aprofundar nas origens das suas crenças limitantes que podem ter sido geradas na infância.

É por isso que você precisa estar preparado antes de se conectar com a Criança Interior. Conforme você cria uma nova ligação com ela, você está cada vez mais próximo(a) de enxergar situações do passado e compreendê-las sob o olhar de adulto(a).

Você vai se desconectar da interpretação que sua Criança Interior tinha para ter uma visão mais abrangente de um acontecimento e emoções. Mas antes disso, é hora de aprender a se conectar com ela a um primeiro nível. Preparado(a)?Descubra qual a necessidade secreta da sua Criança Interior e crie uma conexão mais forte com ela!

Como se conectar com a Criança Interior

  1. Escolha um lugar reservado e silencioso, feche os olhos e relaxe.
  2. Concentre-se na sua respiração por alguns minutos e imagine-se de frente com sua criança interior. Dê um forte abraço nela, diga o quanto ela é importante para você. E permaneça assim por alguns instantes.
  3. E então, pergunte o que ela gostaria que você fizesse que a agradasse. Pode ser uma brincadeira, um passeio ou o que vier…
  4. Confie nessa conexão e a agradeça pelo carinho que ela tem por você, adulto(a).
  5. Faça a atividade que sentiu e, ao fazê-la, pense com carinho em se conectar com a criança interior.

Você pode fazer este exercício sempre que desejar reforçar essa conexão. E comente com a gente como foi sua experiência!

Quer conhecer mais e saber como se conectar com a Criança Interior? Confira o Quiz “Qual a Necessidade Secreta da Sua Criança Interior?” e descubra o quanto ela pode te ajudar a manifestar a realidade que você tanto deseja!

Metafísica e Psicossomática dos Seios: A menina, a mulher e a mãe

Seios são primeiramente meninas transformando-se em mulheres e como elas se relacionam entre si internamente.

Seios são a primeira coisa que apontam a sua feminilidade quando você está passando da fase infantil para adulta.Você deixa de ser criança e de ser olhada com inocência.

Conforme a menina está ficando para trás os seus seios começam a crescer, e embora seja algo íntimo não é privado, não é seu segredo, é algo que é visto, notado, reconhecido… Os seios crescem e mudam a sua imagem para o mundo, a maneira como os outros veem você não será mais a mesma, nem as expectativas sobre seu comportamento, como vai passar a se vestir e deve se comportar diante dos outros.

O desenvolvimento das mamas prepara a todos para verem você como mulher. Isso pode gerar muito desconforto, de repente é errado brincar com garotos como de costume, de repente não pode mais usar suas roupas favoritas porque agora tem algo que chama atenção e deve ser escondido.

Atenção. Esse é um outro detalhe, de repente você nota que ganha atenção com intenção diferente, muitas vezes isso é incomodo, um olhar indesejado… às vezes isso da medo, não apenas em você, mas pode ser um medo que vem dos seus pais, como o de que agora você é um alvo e algum abuso pode acontecer … então a criança pode não querer que eles cresçam e apareçam tanto, ela não quer essa atenção, nem quer se preocupar com esconder o peito ou mudar seu jeito, isso pode ser uma razão para nódulos se formarem conforme seus seios crescem assim como cistos no útero podem emergir desse sentimento “não estou segura como mulher” , a criança tem esse sentimento, ” não quero crescer para a mulher agora”, “não estarei a salvo”. Mas você cresce esquecendo ou ignorando esse sentimento, mas o corpo não esquece nem ignora, a criança interna continua sentindo… continua emburrada com aquilo que a vida impôs sobre ela.

Na fase de transição às vezes há uma luta interna entre a mulher que você está se tornando e a criança que não está pronta para ela. Você pode lembrar de querer crescer e querer que seus seios crescessem e esses sentimentos são reais, mas muitas vezes eles não deram vazão ao medo da criança, eles conflitaram inconscientemente com os desejos e inseguranças da menina. Como esses medos não foram acolhidos, eles se expressam mais tarde em outras formas, através do corpo.

Problemas com a sua feminilidade que são ainda inconscientes podem ser reconhecidos em alguns em sintomas pré menstruais, porque você não gosta do ciclo, reclama e sente dor, perceba que outras partes do seu corpo doem, e do que você reclama quando poderia honrar seu ciclo e fluir com a maneira como ele funciona. Se condena seu período… tem sim problemas com ser mulher. Você não pode amar ser mulher e odiar seu útero, odiar ficar menstruada. Não porque você” tem que” nada, mas observe que isso acontece todo mês e se essa for a sua atitude interna, o que você está fazendo com seu corpo? Que informação emocional está imprimindo nele todo mês continuamente? Ódio de ser quem é, do corpo que tem, do que essa característica representa na vida…No subconsciente arquetípico, o útero representa muitas coisas além da maternidade, como gestar, criar, dar vida à ideias, projetos e sonhos. Enquanto seios são resumidamente a nutrição daquilo que você deu vida.

Ser mulher é ser cíclica e ser de lua. Abraçar isso é viver em plenitude com o sagrado feminino que é você.

Se você não o faz, seu corpo reclama a atenção. Pede pelo seu olhar. Há muitas outras coisas que desequilibra a saúde dos seus seios, mágoas, ressentimento, raiva, desequilíbrio em dar e receber, sentimento de desamparo,abandono. No entanto a maioria deles começa na não aceitação total de si mesma e do que isso manifesta na sua vida. Seios são a nutrição da vida e sua relação com ela e consigo mesma. Sua vida tem certas oportunidades e certos limites, certos presentes e certos desafios , alguns unicamente, justamente por você ser mulher.

Seios nutrem aquilo que criamos, estão ligados a nossa capacidade de dar e receber livremente

Se o útero está ligado a capacidade criativa o seios está ligado a capacidade de nutrir seus sonhos de dar continuidade as suas criações, de nutrir a própria vida. Como mulheres somos todas mães ainda que não tenhamos filhos, somos mães dos nossos projetos e sonhos.

Seios estão ligados a sua função física que é nutrir. No nível físico, os seios se desenvolvem em preparação para alimentar nossos filhos, mas há também uma realidade espiritual por trás dessa conexão feminina com o sustento. Esta qualidade espiritual é a qualidade aberta e generosa do coração responsivo, a capacidade de nutrir, cuidar, dar e presentear .

Se simbolicamente seios nutrem aquilo que criamos, não estão ligados somente aos filhos mas a tudo na vida. O quanto você tem nutrido a sua vida ? Ou o que você tem nutrido ? Que tipo de pensamentos e sentimentos?

Nutrir começa consigo mesmo, o quanto você tem se nutrido ou se sente nutrido e Satisfeito ? Quando bebê você mama até se sentir satisfeito. Você se sente satisfeito com seu trabalho? Sua família ? Consigo mesmo?

Você nutre a si mesmo com alimento pro corpo, pra mente e pra alma ? Você se da tempo para relaxar e para se cuidar ? Ou faz pelos outros primeiro ?

Há uma crença de que devemos dar para receber e até certo ponto ela está certa mas o dar começa em si mesmo. Do contrário você está em desequilíbrio, seu pensamento e habito sobre dar e receber está distorcido e da-se para receber em expectativa de algo. A pessoa quer se nutrir, então da para o outro na expectativa de receber de volta, de ser nutrido pelo outro. Isso é tão distorcido !

Christian Northrup, MD, um visionário do bem-estar mente-corpo e co-fundador de um Centro de Saúde para Mulheres e Mulheres, escreveu:

A disfunção energética surge frequentemente quando uma mulher está confusa sobre como usar tanto o seu amor (quarto chakra) quanto o seu poder criativo (segundo chakra). O maior conflito dentro das mulheres é que a maioria de nós ainda acredita que para ser amado, para receber amor e garantir que alguém precisará de nós, devemos cuidar das necessidades físicas externas dos entes queridos.

Primeiro você se nutri, da a si mesmo tempo consigo, amor, carinho, presentes, cuidado, então satisfeito você compartilha. Se você da satisfeito, você da sem expectativas, sem obrigação, sem esperar receber de volta e por isso mesmo recebe de volta da vida, ainda que nem sempre da mesma pessoa.

Se você sabe se dar, se nutrir, quando você recebe um presente não se sente desconfortável porque não tem nada para a outra pessoa, não se sente obrigado a dar algo mais tarde, isso não perturba você, não te envergonha. Recebe de bom grado se sente grato e feliz. Agora se o seu dar e receber está deturpado, sente vergonha por não ter algo para dar, sente obrigado a comprar algo mais tarde para dar e restabelecer o equilíbrio com essa pessoa, você se sente em dívida porque no seu interior acredita que o outro deu esperando receber, mas só pensa assim quem faz o mesmo. Então nem mesmo um elogio é recebido de graça.

Seus seios doem ou adoeceram ? Esse é um ponto na sua vida a observar, hábitos que ainda podem ser mudados se você reconhecer o padrão. Seu corpo fala para você aquilo que você precisa mudar. Aquilo que está em desequilíbrio na sua vida, no seu coração ou mente mas que você está envolvido de mais, cego de mais, perto de mais para perceber sozinho.

De a si mesmo o que gostaria de receber dos outros e aos poucos as expectativas cessarão, e não haverá frustração quando alguém não notar seu corte de cabelo novo ou seu desempenho no trabalho, porque você estará satisfeito consigo mesmo. Porque você se deu o elogio, você se realizou com o trabalho que fez e isso é o bastante. Então no próximo ciclo você notará que dificilmente essas coisas passaram despercebidas e os elogios vêm, e aparecem as promoções ou outras propostas de trabalho, o reconhecimento do outro chega porque você parou de correr atrás dele. Quando você se nota, se da reconhecimento, amor, carinho, amparo, você começa a se alinhar com mais disso, a sintonizar essa frequência vibracionalmente e então tudo a sua volta vai ressoar de acordo.

Seios estão ligados ao chakra do coração que é o centro do que você espera, amor e compaixão. É o que liga você a outras pessoas e a quem você ama. É o seu centro de self e a ligação entre o físico e o espiritual. Assim ele se relaciona com aquilo que nutrimos em nossas relações, que sentimentos nutrimos em relação aos outros ? Como nos relacionamos com nós mesmos? Que sentimentos nutrimos mas calamos ? Que medos silenciamos em nosso peito ?

Quando emocionalmente mantemos nosso coração fechado ao construir uma parede, isso impede que nossos sentimentos sejam expressos, o que levará a um chacra cardíaco bloqueado. Que Superproteção colocamos em nossos corações? Manifestamos isso na necessidade de controle e microgerenciamento de nós e dos outros. Preocupação e ansiedade tornam-se companhias constantes quando somos seres controladores por extinto de autoproteção. A possessividade e necessidade de controle tem por trás a profunda insegurança e medo do abandono ou da perda. Não é a toa que a nova medicina germânica diz que o câncer de mama é em sua maioria relacionado com um trauma de separação.

Em uma análise enérgica de pacientes com câncer de mama, a médica intuitiva, Caroline Myss escreveu:

“Para algumas mulheres, o câncer se desenvolve em resposta a uma incapacidade de nutrir, o que resulta em sentimentos de culpa e auto-ódio. Outros experimentam crises de medo e identidade como resultado de não aceitar o fechamento natural do ciclo da maternidade quando as crianças saem de casa. “

A área dos seios e do peito reflete o ‘eu para o eu’. É nossa área privada e pessoal e simboliza nosso senso de auto-identidade. Observe como, ao falar, você toca o peito para indicar-se ou ao falar sobre seus sentimentos ou opiniões. Nós temos que amar e nos aceitar antes que possamos realmente amar os outros. Se estamos pautados em nós mesmos ainda que venhamos a perder alguém ou algo ao qual somos profundamente ligados temos mais força para lidar com o trauma, a vida não interrompe o fluxo com a separação, ela continua fluindo conforme lidamos com a dor e nos nutrimos de amor e todas as coisas necessárias para nos confortar e reerguer.

Cristina Cairo escreveu

Em japonês, a palavra titi significa: seios, pai, marido, leite materno. Quando uma mulher nutre em seu coração sentimentos de revolta contra o pai ou marido, seus seios passam a ter problemas. Nódulos, mastite ou tumores nos seios significam descontentamento ou ressentimento profundo em relação às pessoas que desempenha o papel simbólico de pai, tais como marido, sogros, cunhados, etc.

Acredito que essa revolta pode ser também direcionada a mãe ou outras mulheres levando em consideração a lateralidade do corpo. Tem haver com ter peito para ação ou peitar o outro. Quando alguém parte pra briga estufa o peito. Quantas vezes você ouviu uma ofensa, à raiva subiu pelas veias até o peito e você fechou os punhos mas se encolheu? Talvez você não pudesse peitar o outro porque sairia perdendo, talvez fosse um de seus pais ou responsáveis, talvez não agir fosse o melhor a fazer. Mas pra onde foi a ofensa, raiva e agressividade? Se você não deu vazão a ela mais tarde através de alguma atividade, ou gritando e socando o travesseiro, ela não explodiu mas foi implodida e talvez a implosão tenha se tornado um hábito que vai acumular toxidade até seu corpo finalmente mostrar os sinais. Pessoas aparentemente pacíficas adoecem aos montes por carregarem muita agressividade. Não comprar briga por não tomar a ofensa é uma coisa, aqui você encontrou a paz e não se importa. Se sentir ofendido, com raiva e calar é outra coisa, ainda que seja uma atitude pacífica você está levando a guerra consigo. Você implode e isso não é ser pacifico consigo mesmo. Então consciente disso você pode continuar fazendo a escolha pacífica com o outro quando convir a ambos e evitar conflitos mas deve reconhecer seus sentimentos sobre a experiência e dar vazão a eles de alguma forma. Mais tarde você pode voltar àquela pessoa e expressar seus pontos de vista e dizer como você se sentiu a respeito do que ouviu ou da situação de forma ponderada, sem ira ou intenção de vingar-se, ferir ou ofender porque já liberou isso. Mas é importante para saúde se expressar e impor limites saudáveis. Aquilo que você não fala, você ressente.

Os seios representam o princípio materno. Quando há problemas com os seios, isso geralmente significa que estamos ” cuidando demais “, seja uma pessoa, um lugar ou uma coisa, ou uma experiência … Se o câncer está envolvido, então é também profundo ressentimento “. – Louise L. Hay

Como seios estão ligados a maternidade é preciso respeitar a mãe em nós ainda que desempenhar esse papel na vida não faça parte das nossas escolhas. Atualmente o feminismo está em alta e ser mãe não é prioridade ou regra, embora o feminismo tenha muitas pautas e deve ser celebrado, é preciso entender que para ser feminista não é necessário abrir mão da feminilidade. A mulher tem qualidades intrínsecas que são ligadas à maternidade, a ciclicidade e ao feminino. Somos sensíveis sim e isso é um dom não uma fraqueza, usamos nossa sensibilidade para tocar outros, somos maternais e ainda sim temos o direito de escolher não sermos mães, mas nos sentimos compelidas a cuidar dos outros, então usamos essa qualidade com quem amamos ou no trabalho que amamos, damos vida a sonhos, os nutrimos e os fazemos crescer.

Eu te desejo paz sobre todas as coisas.

A serviço e da luz e da lucidez

@Interconexão

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !


Livros sobre esse assunto:

As Faces Raiva

Há diversos tipos de raiva. Primeiro: Alguém me agride ou me faz uma injustiça, e eu reajo com indignação e raiva. Essa raiva permite que eu me defenda ou me imponha com energia. Ela me capacita para agir, é positiva e me fortalece. Essa raiva é objetiva e por isso é adequada. Ela cessa logo que atinge seu objetivo. 

Segundo: Fico enfurecido e zangado porque noto que deixei de tomar, exigir ou pedir o que eu poderia ou deveria ter tomado, exigido ou pedido. Em vez de me impor, recebendo ou tomando o que me falta. fico enfurecido e zangado com as pessoas de que não tomei, não exigi ou não pedi, embora eu pudesse ou devesse ter agido dessa maneira. Essa raiva é um substitutivo da ação e a consequência de uma omissão. Ela paralisa, incapacita e enfraquece, e muitas vezes perdura por longo tempo. De maneira semelhante, a raiva funciona como defesa contra o amor. Em vez de expressar meu amor, fico com raiva das pessoas que amo. Essa raiva surgiu na infância, em consequência da interrupção de um movimento afetivo. Em situações posteriores semelhantes, essa raiva reproduz a vivência original e dela retira a sua força. 

Terceiro: Fico com raiva de alguém porque lhe fiz mal, mas não quero reconhecer isso. Com essa raiva, eu me defendo das consequências dessa culpa e a empurro para outra pessoa. Também essa raiva é um substitutivo para ação. Ela me permite ficar inativo, me paralisa e enfraquece. 

Quatro: Alguém me dá tantas coisas grandes e boas, que não consigo retribuir. Isso é realmente difícil de suportar. Então me volto contra o doador e suas dádivas, ficando zangado com ele. Essa raiva se manifesta com recriminação, por exemplo, dos filhos contra os pais. Ela se torna um substitutivo do tomar, do agradecer e do próprio agir. Paralisa e esvazia a pessoa. Ou se manifesta como depressão, que é o outro lado da recriminação. Também serve de substitutivo para o tomar, o agradecer e o dar. Ela paralisa e esvazia. Essa raiva se manifesta também sob a forma de um luto muito prolongado depois de uma morte ou uma separação, quando fiquei em dívida com essas pessoas no que tange tomar e ao agradecer. Essa raiva se manifesta ainda, como no terceiro tipo, se deixei de assumir minha própria culpa e suas consequências. 

Quinto: Algumas pessoas têm uma raiva que adotaram de outras contra terceiros. Num grupo, por exemplo, quando um membro reprime sua raiva, depois de algum tempo um outro membro se enraivece, geralmente o mais fraco, que não tem absolutamente nenhum motivo para isso. Nas famílias, esse membro mais fraco é uma criança. Quando, por exemplo, a mãe fica zangada com o pai mas reprime sua raiva, um filho fica zangado com ele. O mais fraco frequentemente não se torna apenas sujeito mas também objeto da raiva. Quando, por exemplo, um subordinado se irrita com seu superior mas reprime a raiva diante dele, costuma descarregá-la em alguém mais fraco. Ou, quando um homem fica com raiva de sua mulher mas a reprime diante dela, um filho é castigado por ela. Muitas vezes, a raiva não se desloca apenas de um portando para o outro, por exemplo, da mãe para o filho, mas também de um objeto para o outro, por exemplo, de uma pessoa forte para uma pessoa fraca. Nesse caso, uma filha que assume a raiva da mãe pelo pai, não dirige essa raiva conta o próprio pai mas contra alguém mais à sua altura, por exemplo, ao próprio marido. Nos grupos, a raiva adotada não se dirige então contra a pessoa forte que era inicialmente visada – por exemplo, o dirigente do grupo -, mas contra um membro fraco, que se torna o bode expiatório, no lugar do mais forte. Quando agem através de uma raiva adotada, os perpetradores ficam fora de si. Sentem-se orgulhosos e em seu direito, mas agem com uma força e um direito que não lhes pertencem, o que os frusta e enfraquece. Por sua vez, as vítimas dessa raiva adotada se sentem fortes e em seu direito, pois sabem que sofrem injustamente. No entanto, também eles permanecem fracos e seu sofrimento é inútil. 

Sexto: Existe uma raiva que é virtude e habilidade: uma força de imposição, alerta e centrada, que responde a emergências e que, com ousadia e saber, enfrenta inclusive o que é difícil e tem poder. Essa raiva é destituída de emoção. Quando é preciso, também inflige algum mal ao outro, sem medo e sem maldade: é a agressão como pura energia. Resulta de uma longa disciplina e de um longo exercício, mas é possuída sem esforço. Essa raiva se manifesta como ação estratégica.

Bert Hellinger

O benefício de dedicar dez minutos a algo

Há uma percepção entre muitos seres humanos de que, se você não tem muito tempo para se dedicar a algo, não faz sentido fazê-lo. Isto simplesmente não é verdade!

Assim como mesmo uma meditação de dez minutos pode ter um impacto profundo em sua saúde e bem-estar, também é com qualquer tipo de atenção e conexão concentrada, mesmo que seja por um curto período de tempo. Praticar algo que você deseja melhorar por dez minutos ainda o levará para frente.

Escrever por dez minutos por dia em breve será adicionado a um capítulo e, eventualmente, um livro. Movendo seu corpo por dez minutos por dia ainda terá benefícios de saúde maravilhosos. E dedicar um tempo para realmente se conectar com seu parceiro, mesmo que seja por apenas dez minutos, irá nutrir e aumentar seu relacionamento.

O benefício de dedicar dez minutos a algo que é importante para você é que você começa. Você pode achar que, assim que começar, é tão bom que naturalmente ficará nesse fluxo e dará mais tempo. Ele prioriza essa atividade, tornando-a tão importante quanto as outras muitas coisas que você tem em sua vida cotidiana. Ele permite que você coloque seus desejos em prática imediatamente, sem a necessidade de um enorme compromisso do seu tempo.

Nunca adie fazer algo porque acha que não tem tempo suficiente, queridos. Comece pequeno e saiba que há grande poder em dar esse passo. Ele assumirá seu próprio fluxo e desdobramento a partir daí, de maneiras que sejam sustentadas e sentir-se-ão maravilhosas, e você colherá os benefícios dessas pequenas escolhas de atenção e conexão muito rapidamente.

Arcanjo Gabriel através de  Shelley young

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas.

Tradução @Interconexão

À medida que eu me desperto, desperto você. Eu te desejo paz sobre todas as coisas.

O Kali Maluhia no me oe.

Início | Ferramentas Quânticas/Produtos |Mesa Radiônica Quântica| Alinhamento Energético|Terapia holística |Mapa Numerológico Cabalístico

A Glândula Timo

No meio do peito, bem atrás do osso onde a gente toca quando diz “eu”, fica uma pequena glândula chamada timo.

A origem da palavra timo remonta à antiga Grécia, e, possívelmente, à civilização indo-européia. Na Grécia, a palavra thymos foi utilizada por Platão e seu mestre Sócrates, assim como por Homero. Há indicações de que, para os gregos, thymos significava a alma ativa, a alma perecível – diferente da psyché ou alma passiva e imortal. Essa alma ativa seria equivalente à razão, à consciência (“awareness”) e estaria associada à respiração (sopro, alma, palavra), ao coração (desejos e intenções) e ao fígado (emoções).

Em um determinado momento na Ilíada , Aquiles diz: “Levantando-se como fumaça no peito dos homens Agamemnon irritou-me, mas deixemos os grandes serem grandes e aquietemos o thymos no nosso peito”. Assim, thymos é metafóricamente interpretado como “levantar fumaça no peito”. Expressa o princípio da vitalidade e, portanto, no seu lado físico, a respiração. Como atestado por Homero, thymos é o ânimo ou o coração, a sede das paixões e da ira, mas também da coragem e do entusiasmo. Neste sentido, uma pessoa que tem thymos pode ser chamada de entusiasta, dotada da força passional de reagir prontamente. Em consequência,thymos não tem a ver unicamente com a tendência à ira ou à indignação, mas com uma disposição anímica para acender e reagir enérgicamente, com dignidade, coragem, autoestima e ardor espiritual. Como indicado por John Onians, thymos referia-se originalmente ao sopro, à respiração. Era a matéria da consciência, o espírito, a alma-sopro, da qual dependia a energia e coragem do homem. Mesmo na sua mais remota origem, thymos denota “levantar-se em chamas” como nuvem ou espírito, o que nos remete ao conceito de alma e energia vital.

Na anatomia humana, o Timo é um órgão linfático que está localizado na porção antero-superior da cavidade torácica. Limita-se superiormente pela traquéia, a veia jugular interna e a artéria carótida comum, lateralmente pelos pulmões e inferior e posteriormente pelo coração. É vital contra a autoimunidade. Ao longo da vida, o Timo involui (diminui de tamanho) e é substituído por tecido adiposo nos idosos, o que acarreta na diminuição da produção de linfócitos T.

Ele cresce quando estamos contentes, encolhe pela metade quando estressamos e mais ainda quando adoecemos.Essa característica iludiu durante muito tempo a medicina, que só o conhecia através de autópsias e sempre o encontrava encolhido.Supunha-se que atrofiava e parava de trabalhar na adolescência, tanto que durante décadas os médicos americanos bombardeavam Timos adultos perfeitamente saudáveis com megadoses de raios X achando que seu “tamanho anormal” poderiam causar problemas.

Mais tarde a ciência demonstrou que, mesmo encolhendo após a infância, continua totalmente ativo; é um dos pilares do sistema imunológico, junto com as glândulas adrenais e a espinha dorsal, e está diretamente ligado aos sentidos, à consciência e à linguagem. Como uma central telefônica por onde passam todas as ligações, faz conexões para fora e para dentro. Se somos invadidos por micróbios ou toxinas, reage produzindo células de defesa na mesma hora.

Mas também é muito sensível a imagens, cores, luzes, cheiros, sabores, gestos, toques, sons, palavras, pensamentos. Amor e ódio o afetam profundamente. Idéias negativas têm mais poder sobre ele do que vírus ou bactérias. Já que não existem em forma concreta, o timo fica tentando reagir e enfraquece, abrindo brechas para sintomas de baixa imunidade, como herpes.

Em compensação, idéias positivas conseguem dele uma ativação geral em todos os poderes, lembrando a fé que remove montanhas. 

Energeticamente, sua principal tarefa é a de servir de mediadora entre a energia provinda das emoções e o dos fios energéticos conectados ao chacra cardíaco, distribuindo sua alta vibração pelos nádis, a partir do coração etérico, num movimento vertical (para cima e para baixo). Portanto, é responsável direta pela resposta emocional ao organismo, e pela sensibilização da mente através das energias que retém, provenientes do meio externo no qual o indivíduo convive. Estimulada em seu funcionamento, torna o indivíduo mais emotivo e menos racional, mais sensível às emoções e sentimentos alheios, e menos egocentrado em suas próprias necessidades.

Para estimulá-lo, aplica-se a energia verde esmeralda em profusão, o que romperá a camada protetiva que a bloqueia em certos casos, por exemplo, quando a pessoa é fria e calculista. Em pessoas mais amorosas, estimula o compartilhamento destes sentimentos, fortalece a circulação sanguínea e o coração, e, consequentemente, fortalecendo emocionalmente o indivíduo. Até certo limite, permite também a absorção de conhecimentos provenientes de entidades amorosas e puras, que, levadas ao conhecimento da pineal, são reabsorvidas em sabedoria e intuição eletiva ao mais alto grau de iluminação.

a) Fique de pé, os joelhos levemente dobrados. A distância entre os pés deve ser a mesma dos ombros. Ponha o peso do corpo sobre os dedos e não sobre o calcanhar, e mantenha toda a musculatura bem relaxada.

b) Feche qualquer uma das mãos e comece a dar pancadinhas contínuas com os nós dos dedos no centro do peito, marcando o ritmo: uma pancadinha forte e duas fracas.

Continue por três a cinco minutos, respirando calmamente, enquanto observa a vibração produzida em toda a região torácica. O exercício estará atraindo sangue e energia para o timo, fazendo-o crescer em vitalidade e beneficiando também pulmões, brônquios, coração, rins, baço e garganta. Ou seja, enchendo o peito de algo que já era seu e só estava esperando um olhar de reconhecimento para se transformar em coragem, calma, nutrição emocional, abraço.

Ótimo, íntimo, cheio de estímulo.

Bendito Timo!

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !

Existem outros artigos relevantes para esse assunto:

A Região Lombar é a Base e a Raiz de Nossa Atividade no Mundo

“A região lombar é a base e a raiz de nossa atividade no mundo. Quando sentimos uma perda de apoio ou sentimos que os desafios ou responsabilidades são muito grandes, simplesmente “não suportamos”. Fúria, frustração, humilhação ou depressão podem ocorrer na região lombar, que é neurológica e psicologicamente associada à nossa Sentimentos “viscerais” e instintos mais profundos e suprimidos. A parte inferior das costas tem mais peso e expressa a extensão da carga ou peso que suportamos, ou se nos sentimos oprimidos ou sem esperança.

A capacidade de adaptar-se, resistir ou enfrentar o estresse ou os ataques percebidos é expressa nas costas; por exemplo, ser covarde, ter as costas contra a parede, fazer com que as costas voltem para cima, oh minha dor nas costas. ”~ Asa Hershoff ND, DC

O intestino é um dos principais sistemas de filtragem do corpo, quando seu sistema de encanamento, eletricidade e drenagem não está funcionando corretamente, o corpo começa a absorver toxinas, entupindo o sistema. Quando o intestino não pode mais nos proteger, problemas auto-imunes podem ser desencadeados por uma rede de comunicações celulares e através de nossos gânglios linfáticos. Prisão de ventre, diarréia, inchaço, pouca mobilidade e gases aprisionados podem levar à obesidade, colesterol alto, diverticulite, problemas pancreáticos e muito mais. Acúmulos tóxicos são armazenados nas células adiposas do corpo… se essas toxinas vazam para os fluidos do corpo, que incluem o sangue, elas podem causar fadiga, dores no corpo, tireóide, problemas cardíacos e cerebrais, bem como depressão.

A maioria das dores nas costas é 10 vezes mais dolorosa do que qualquer outra tensão muscular no corpo. A razão para isso … os músculos das costas são projetados para “proteger” e “defender” a coluna vertebral. Além disso, os músculos das costas estão intimamente ligados ao Sistema Nervoso Central (SNC), que transmite mensagens de dor ao cérebro – a dor muscular é um aviso precoce de que a coluna pode estar com problemas. Quando estamos tensos, os músculos das costas podem entrar em espasmo, causando uma dor excruciante que pode durar semanas, meses e até anos.

A coluna é geralmente flexível e bastante resistente e quando alinhada corretamente é capaz de aprender e integrar uma variedade de experiências de vida. Essas experiências estressantes ou extáticas são capazes de fluir facilmente através da consciência do corpo / mente, desde que não haja interrupção, o que poderia desequilibrar a (s) vértebra (s). Mas quando experimentamos um evento estressante ou traumático / chocante, o absorvente de choque da coluna se torna inflexível devido ao choque, fazendo com que os músculos, ligamentos e tendões de suas costas e abdômen trabalhem mais para mantê-lo na posição vertical.

“Parece que a maioria dos casos de dor lombar crônica é causada não por problemas na coluna, mas por tensão e espasmos musculares. Isso não deve ser descartado: é extremamente doloroso. Essa tensão muscular é causada por tensão emocional, e quanto mais profunda a tensão emocional é explorada, mais a história por trás da dor é revelada. Pode ser uma história de raiva, medo, exaustão, de tentar provar algo a alguém, de negação, de falta de perdão – seja lá o que for, é nas costas porque está bem escondido lá. Mas também dói. ”Seu corpo fala sua mente: Entendendo como suas emoções e pensamentos ~ Deb Shapiro

A parte de trás do corpo reflete elementos privados e inconscientes de sua vida. A parte de trás se torna o armazém para tudo que você não quer lidar ou não quer que outras pessoas vejam. Sentimentos ocultos ou não expressos ficam congelados na estrutura do seu corpo. Isso significa que muitas emoções negativas ficam armazenadas ao longo de sua coluna e nas costas de suas pernas. A maioria de suas emoções poderosas, como raiva e medo, estão armazenadas nas costas e são essas emoções que desequilibram seu corpo.

Tentar distanciar e suprimir seus sentimentos apenas agrava o problema … enquanto você continua a carregar o passado, que continua a crescer mais e mais. Se você está se protegendo todos esses anos e se defendendo de perigos reais ou imaginários, você está vivendo em um estado constante de alerta. Além disso, você aprendeu a tomar medidas de proteção para se sentir seguro … Isso é conhecido por criar uma instabilidade da parte inferior das costas, quadris e até os pés. A pélvis representa nossa direção interna e nossos sentimentos e pensamentos mais profundos … é sobre nosso movimento pessoal. Nosso primeiro chakra (raiz) basicamente nos conecta com a Terra, assim como com nossos instintos de sobrevivência. O aperto excessivo nos quadris e nas nádegas pode refletir a necessidade de uma pessoa se “segurar” para sobreviver.

Sacro – Sentir-se sem apoio, levando problemas familiares não resolvidos, mantendo a raiva e o ressentimento da infância. Vivenciando uma falta de confiança e crença em si mesmo. Sentindo-se desconfortável em seu corpo e em sua vida. Leve o ressentimento e a vergonha da guilda. Físico: ossos do quadril, nádegas, condições sacroilíacas, curvaturas da coluna vertebral. ”A LÍNGUA SECRETA DO SEU CORPO ~ Inna Segel

“Apesar de aparentemente suaves e esponjosos, os músculos glúteos ou das nádegas costumam ser os músculos mais tensos e tensos do corpo, pois é aqui que você pode esconder qualquer tensão ou nervosismo que possa estar sentindo ao sentar-se nele. Embora essa tensão esteja oculta, seu efeito será sentido em todo o corpo. Gluteais consistentemente apertados irão desequilibrar sua postura, causando distorção da coluna vertebral e dores nas costas, e então eles podem afetar o funcionamento de seus intestinos….

Apenas por um momento, agora mesmo, verifique seus músculos em suas nádegas. Eles estão relaxados? Ou eles estão cerrados? Se sim, relaxe conscientemente e note a diferença em sua atitude.

  • O que você está sentado, reprimindo ou segurando?
  • Que energia está sendo mantida em seu traseiro?
  • Você está sentado em sentimentos de insegurança?
  • Você está sentado em uma necessidade de apoio e conforto?

SEU CORPO FALA SUA MENTE ~ por Deb Shapiro

O SEGUNDO CHACRA (SACRAL)

“Sensações e sentimentos contribuem para as emoções, outro aspecto do segundo chakra. Emoção – do latim e, significando e movere, para mover – é a movimentação do prana através dos tecidos do corpo. As emoções são o resultado de sentimentos armazenados no corpo. Por exemplo, você pode ter uma sensação de irritação com alguma coisa, mas se esse sentimento é repetidamente armazenado em seus tecidos, pode se tornar a emoção da raiva. Eu gosto de pensar em sensações como as palavras, sentimentos como as sentenças e emoções como a história que emerge.

Quando você reprime a emoção, você restringe os movimentos naturais do corpo. Você se torna rígido, criando o oposto do fluxo aquoso do segundo chakra, inibindo a flexibilidade. Portanto, desenvolver flexibilidade em seu corpo pode exigir disposição para sentir velhas emoções armazenadas em seu corpo. Anodea Judith Chakra Yoga ~ por Anodea Judith

A região lombar está associada ao 2º chakra, que está associado aos quadris, sacro, região lombar, genitais, ventre, bexiga e rins. Este chakra é sobre sensualidade, sexualidade, emoções, intimidade e desejo. Todas as coisas aquosas têm a ver com este chakra: circulação, micção, menstruação, orgasmo, lágrimas. Fluxos de água, movimentos e mudanças e um segundo chakra saudável nos permitem fazê-lo. É também este chakra onde, quando criança, fomos apoiados e tranquilizados por nossos pais.

Sua natureza agressiva pode ter lhe causado alguns momentos de ansiedade enquanto você estava crescendo, quando teve que se limitar aos limites impostos por seus pais. Eles podem ter considerado você grande demais para suas calças, ou simplesmente imprudente e imaturo. Sua necessidade de demonstrar sua independência pode aliená-lo deles. Seu desenvolvimento subseqüente fez você perceber que você tinha que agir quando sentiu que era apropriado, sabendo que “aquele que hesita está perdido”. Mesmo agora, você não é facilmente dissuadido por pessoas que dizem que seus planos não funcionam, e você sempre consegue provar que estão errados.

Se não tivéssemos o apoio que precisávamos quando criança, isso pode afetar as áreas da parte inferior das costas e dos joelhos. Veja o meridiano dos rins ao longo da parte de trás do joelho, assim como a bexiga, o fígado e o baço. A inflamação é causada por um acúmulo de fluido … a área da pele é muito sensível para ser tocada. Quando uma grande quantidade de energia do 2º chakra é liberada através do exercício, ela pode nos tornar sensíveis às energias no ambiente e também de outras pessoas. Também pode nos fazer sentir jovens, felizes e brilhantes!

Quando o segundo chakra é equilibrado e saudável, podemos ser emocionalmente fluidos, permitindo-nos sentir livremente e sem culpa. Quando é excessivo, somos excessivamente emocionais, temos limites fracos entre nós e os outros e somos propensos a ligações obsessivas. Quando o segundo chakra é deficiente, tendemos à dormência emocional, rigidez e medo do prazer.

Músculos PSOAS (principais contribuintes para dor lombar)

Enterrado profundamente dentro do núcleo do seu corpo, o psoas afeta todas as facetas da sua vida, do seu bem-estar físico para quem você se sente e como se relaciona com o mundo. Atuando como uma ponte entre o tronco e as pernas, o psoas é fundamental para manter a coluna alinhada, permitindo que as articulações girem livremente e dando aos músculos uma amplitude completa de movimento. O músculo abdominal está rodeado por uma complexa rede de gânglios nervosos que se encontra aproximadamente ao nível do psoas e do diafragma. Se o psoas for contraído por qualquer motivo, ele pressionará os nervos na região abdominal. A constrição do diafragma pode encurtar o psoas e o aperto no psoas pode restringir a capacidade do diafragma de se mover livremente. Qualquer constrição no diafragma impedirá a respiração do corpo inteiro, um processo que massageia os órgãos internos e promove força e vitalidade.

Se você sofre de uma dor nas costas ou ansiedade, de tensão no joelho ou exaustão, há uma boa chance de que um músculo psoas restrito possa estar contribuindo para o seu problema. Quando os músculos do psoas entram em espasmo, eles puxam o ombro para baixo e criam um desequilíbrio físico real … você pode sentir-se inclinado mais para um lado. Metafisicamente, os músculos do psoas podem indicar traumas complexos e problemas inconscientes não resolvidos desde a infância. Pessoas com músculos psoas cronicamente tensos cortaram completamente suas sensações mais profundas, exercendo rígido controle sobre si mesmas como uma maneira de se defender contra essas emoções cruas. E, no entanto, há sempre a sensação de algum perigo iminente. Para algumas pessoas, toda a sua vida é construída em torno de suprimir o que está lá embaixo e, a esse respeito, elas são dominadas por aquelas mesmas coisas que estão tentando manter à distância. Encontrar o self é como Descascar uma cebola – camada após camada precisa ser removida para alcançar o núcleo. Isso é semelhante ao mergulhador de águas profundas que mergulha nas profundezas do inconsciente pessoal, trazendo à luz complexos ocultos para que possam ser examinados, trabalhados e esperançosamente transmutados.

Como a esfera doméstica é onde a maioria das pessoas se sente mais vulnerável, elas podem tentar manipular e controlar as pessoas ao seu redor, de modo que ninguém escorregue e detone sua bomba-relógio interna. Obviamente, isso não se presta ao ambiente mais relaxado dos lares, no qual provavelmente existem muitas regras não escritas sobre o que é ou não permitido ser dito ou feito.

“Os rins estão realmente situados atrás do psoas, enquanto os intestinos e os órgãos reprodutivos ficam em frente a ele. Quando o psoas está apertado e contraído, a curva lombar se torna exagerada, fazendo com que os órgãos abdominais caiam para a frente contra os músculos abdominais, que não foram projetados para suportar esse peso. … Quando deslocados, os intestinos são incapazes de absorver nutrientes, eliminar resíduos, e as funções sexuais reprodutivas podem ser prejudicadas. O problema também é que, não importa quantos sit-ups você faça, eles não serão capazes de suportar o psoas restrito empurrando a cavidade abdominal para frente. ”Yoga Journal ~ Por Donna Farhi

Curar o psoas pode ajudar a melhorar sua estrutura geral e trazer à luz velhos traumas e medos (tensão física) trancados no corpo. Em relação à resposta de luta ou fuga, o psoas é conhecido por enrolar você em uma bola fetal para proteger a frente do corpo, ou preparar os músculos das costas e das pernas para entrar em ação. Como o psoas está tão intimamente envolvido em reações físicas e emocionais, um psoas cronicamente endurecido sinaliza continuamente ao corpo que você está em perigo, eventualmente esgotando as glândulas supra-renais e esgotando o sistema imunológico.

Uma de cada lado da espinha, cada um funcionando ainda independentemente harmoniosamente, psoas atribui para o lado e para a frente do 12 vértebras torácicas e cada vértebras lombares. Movendo-se pela pelve sem se prender ao osso, o psoas se insere junto com o músculo ilíaco em um tendão comum no topo do fêmur.

A principal função do psoas é atuar como um flexor do quadril … sem caminhar ou correr seria impossível. Esses músculos também contribuem para a rotação externa dos quadris. Quando o psoas está tão apertado, eles não podem se soltar, fazendo com que as pernas se movam para fora durante uma flexão de costas intensa, que pode apertar os músculos e nervos da parte inferior das costas.

A aorta maior que transporta o sangue do coração corre muito perto dos músculos do psoas e pensa-se que um desequilíbrio no psoas pode afetar a circulação sanguínea em todas as extremidades superiores e inferiores. Muitas pessoas sentem uma onda de calor nas pernas e no peito quando o psoas se solta. Assim, os músculos profundos do psoas podem afetar a circulação, a respiração, os impulsos nervosos e a função dos órgãos. E ainda não consideramos o efeito do psoas no sistema musculoesquelético.

Além disso, o psoas também forma uma prateleira de suporte para os órgãos vitais dentro do núcleo abdominal. Na caminhada, um psoas saudável se move livremente e se junta a um diafragma liberado para massagear continuamente a coluna, bem como os órgãos, vasos sanguíneos e nervos do tronco. Trabalhando como uma bomba hidráulica, um psoas que se movimenta livremente estimula o fluxo de fluidos por todo o corpo. E um psoas liberado e fluente combinado com uma pélvis estável com peso, contribui para as sensações de sentir-se ancorado e centrado.

interconexão

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !

Livros sobre esse assunto:


METAFÍSICA: SISTEMA NERVOSO CENTRAL

Alguma vez você já se perguntou com a incrível capacidade do corpo de se renovar, por que temos, ou parece ter os mesmos problemas nas costas durante a maior parte de nossas vidas? A resposta está no sistema nervoso central (SNC). O CNS coordena nossa consciência com bilhões de neurônios (células nervosas individuais) que são enviados para o cérebro para serem interpretados. As mensagens são enviadas de volta para mover as inúmeras fibras musculares através do corpo. É por isso que a maior parte da nossa dor nas costas começa com problemas nos músculos, porque eles estão diretamente ligados aos nervos que transmitem mensagens de dor ao seu cérebro. Muitos problemas nas costas são agravados pelo estresse ou tensão na mente.

O SNC consiste no cérebro e na medula espinhal. O cérebro realiza a maior parte da “computação” no sistema nervoso e se comunica com o resto do corpo através do grande feixe de nervos chamado medula espinhal. O sistema nervoso periférico (SNP) é a intrincada rede de nervos que transporta informações entre o SNC e o resto do corpo. Trinta e um pares de nervos espinhais transmitem mensagens sensoriais e motoras de e para a medula espinhal. Juntos, esses nervos mantêm todo o seu corpo em comunicação com o cérebro.

“O sistema nervoso mantém o ambiente interno do nosso corpo e regula a digestão dos alimentos e a quantidade de dióxido de carbono no sangue sem a nossa consciência… ..

Ao agir como um canal para a expressão da Consciência Universal (nossa sabedoria inata), o sistema nervoso estabelece quem somos e como lidamos com o mundo. O que nosso corpo sente – não necessariamente o que estamos conscientes – realmente muda a maneira como percebemos o mundo. Se o sistema nervoso estiver preso em uma perspectiva, as mensagens que ele enviará e receberá também ficarão presas nessa perspectiva. Em outras palavras, quando o sistema nervoso não foi capaz de se recuperar do trauma de eventos passados – seja físico, emocional ou químico – nossa realidade emocional também está presa … O efeito combinado de vários estresses e a incapacidade do sistema nervoso sistema para lidar com eles produz uma subluxação (interferência) da coluna vertebral… .Esta interferência interrompe a capacidade natural do sistema nervoso de montar e separar instruções neurológicas. Como um computador, se a entrada (mensagens para o sistema) estiver distorcida de qualquer maneira, a saída (mensagens do sistema nervoso para cada célula do corpo) também será distorcida. Trauma emocional, acidentes ou respirar ar poluído são desafios para o sistema nervoso comprometido. ” Os 12 estágios da cura – por Donald M. Epstein DC

Existe uma conexão profunda e poderosa entre a mente e as costas – para começar a entender a causa de sua dor nas costas, comece o processo de cura. Quanto mais rígida, firme e inflexível for a mente, mais rígido, rígido e inflexível será o corpo físico (ombros, pescoço, peito, abdômen, isquiotibiais, psoas, tornozelos, etc.).

EXERCÍCIOS DE LIBERTAÇÃO DE TRAUMA (TRE)

Exercícios de Liberação de Trauma (TRE) “TRE® é um conjunto simples e rápido de movimentos que ativam o processo natural de reequilíbrio do nosso corpo – proporcionando uma experiência imediata de relaxamento. Ao liberar tudo, do estresse diário à tensão física e ao trauma, o TRE® nos libera para enfrentar os desafios da vida com maior habilidade e facilidade. Melhor de tudo, nossos corpos fazem o trabalho; obtemos alívio sem precisar processar ou recontar nossa história. ”  Exercícios de liberação de tensão

Originalmente projetado para transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) … especificamente para os soldados que haviam retornado da guerra. “Ele leva você através de uma série de movimentos. Então você acaba em uma posição que libera o psoas, que é descrito como sendo um músculo que mantém a emoção (daí os exercícios de liberação do trauma para atingi-lo).”

TRE alivia o acúmulo de tensão muscular todos os dias, bem como traumas passados 

TÉCNICA DE LIBERDADE EMOCIONAL (EFT)

Técnicas de Liberdade Emocional – EFT – também conhecido como Meridian Tapping – é um método de cura muito eficaz, que é conhecido por eliminar traumas e abusos, ansiedade, medos e fobias, emoções e crenças negativas, auto-julgamento, dor física e emocional, maus hábitos, enxaquecas e muitas vezes ajuda a curar lesões físicas e doenças.

EFT – Psicologia Energética e liberdade emocional

“Os músculos absorvem e respondem às tensões e sentimentos. Se eles não relaxarem suficientemente após o estresse, a tensão se acumulará e causará danos mais profundos e duradouros. Se isso continuar por um período de tempo, os músculos serão ajustados e fixados nessa forma restrita. É aqui que você “segura” questões, emoções e traumas. Raiva congelada, medo ou pesar criam uma espécie de armadura corporal que bloqueia e retém ainda mais sentimentos, prendendo a musculatura em posições fixas …

Os músculos permitem que todos os sistemas corporais funcionem, como circulação, digestão, respiração e impulsos nervosos. Sua liberdade de movimento é essencial para uma ótima saúde. Quando os músculos estão restritos… sua energia será incapaz de fluir suavemente… Liberação de estresse e expressão emocional são, portanto, essenciais para a facilidade muscular. O exercício também é vital – não apenas libera a tensão muscular, mas também a tensão psico-emocional. ”SEU CORPO FALA SUA MENTE ~ Deb Shapiro


Interconexão

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !


Livros recomendados sobre este assunto:


Existem outros artigos relevantes para esse assunto:

Pesquisa científica mostra que memórias podem ser transmitidas de geração para geração através do DNA

Pesquisas mostraram que é possível que algumas informações sejam herdadas biologicamente através de mudanças químicas que ocorrem no DNA.

As memórias podem ser transmitidas às gerações futuras por meio de interruptores genéticos que permitem que os filhos herdem a experiência de seus ancestrais, tornando-se uma espécie de instinto.

Pesquisadores da Emory University de Atlanta, nos Estados Unidos, descobriram que camundongos podem transmitir informações aprendidas sobre experiências traumáticas ou estressantes – neste caso, um medo do cheiro de flor de cerejeira – para as gerações subsequentes.

Essa condição poderia explicar, por exemplo, por que algumas pessoas da mesma família têm medo das mesmas coisas, ou então um medo irracional aparentemente sem razão, como uma espécie de herança das fobias de seus antepassados.

Assim, o medo das aranhas pode, de fato, ser um mecanismo de defesa herdado, depositado nos genes de uma família, pelo assustador encontro de um ancestral com uma aracnídeo.

O Dr. Brian Dias, do departamento de psiquiatria da Emory University, disse: “Começamos a explorar uma influência subvalorizada no comportamento adulto – experiência ancestral antes da concepção.

“De uma perspectiva translacional, nossos resultados nos permitem apreciar como as experiências de um pai, antes mesmo de conceber a prole, influenciam marcadamente tanto a estrutura quanto a função no sistema nervoso das gerações subseqüentes.

“Tal fenômeno pode contribuir para a etiologia e potencial transmissão intergeracional de risco para transtornos neuropsiquiátricos, como fobias, ansiedade e transtorno de estresse pós-traumático”.

A experiência olfativa dos pais influencia o comportamento e a estrutura neural nas gerações subsequentes

No estudo, publicado na revista Nature Neuroscience , os pesquisadores treinaram ratos para temer o cheiro de flor de cerejeira usando choques elétricos antes de permitir que eles se reproduzissem.

Para isso, os animais foram submetidos a choques elétricos sempre que entravam em contato com o odor de flor de cerejeira .

Após esses ratos se reproduzirem, os filhotes foram expostos ao mesmo cheiro e, surpreendentemente, eles demonstraram reações de medo ao contato com este odor, mesmo sem terem experimentado qualquer efeito negativo relacionado ao cheiro. A mesma reação também foi percebida em outras gerações dos animais.Este efeito continuou mesmo com os ratos criados por inseminação artificial.

Durante este processo de condicionamento, o cérebro do grupo exposto ao choque elétrico apresentou uma mudança química e estrutural na área responsável pela detecção de odores. Esta mesma condição foi percebida até a terceira geração destes ratos. Segundo os pesquisadores, ocorreram mudanças no cérebro e no DNA dos animais.

O DNA dos animais também carregava alterações químicas, conhecidas como metilação epigenética, no gene responsável pela detecção do odor.

O resultado da transmissão da fobia de geração para geração aconteceu pela programação do DNA, que se alterou para apresentar aos filhotes os traumas vivenciados por seus antecessores. O resultado apontou uma firme evidência de que a transmissão biológica de memórias é possível.

Isso sugere que as experiências são de alguma forma transferidas do cérebro para o genoma, permitindo que elas sejam passadas para gerações posteriores.

Os pesquisadores agora esperam realizar mais trabalhos para entender como a informação chega a ser armazenada no DNA em primeiro lugar.

Eles também querem explorar se efeitos semelhantes podem ser vistos nos genes dos seres humanos.

O professor Marcus Pembrey, geneticista pediátrico da University College London, disse que o trabalho fornece “evidências convincentes” para a transmissão biológica da memória.

Ele acrescentou: “Ele aborda temor constitucional que é altamente relevante para fobias, ansiedade e transtornos de estresse pós-traumático, além do assunto controverso de transmissão da” memória “da experiência ancestral ao longo das gerações.

“É hora de os pesquisadores de saúde pública levarem as respostas transgeracionais humanas a sério… Eu suspeito que não vamos entender o aumento dos distúrbios neuropsiquiátricos ou da obesidade, diabetes e distúrbios metabólicos, geralmente sem adotar uma abordagem multigeracional“.

O professor Wolf Reik, chefe de epigenética do Instituto Babraham, em Cambridge, disse que, no entanto, mais trabalho é necessário antes que tais resultados possam ser aplicados aos seres humanos.

Ele disse: “Esses tipos de resultados são encorajadores, pois sugerem que a herança transgeracional existe e é mediada pela epigenética, mas é necessário um estudo mecanicista mais cuidadoso dos modelos animais antes de extrapolar tais descobertas para os seres humanos”.

Pesquisas como esta são extremamente importantes para que os cientistas consigam entender melhor a mente humana e possam sugerir novos tratamentos e abordagens para algumas doenças.

O estudo mostra que nosso DNA tem a capacidade de carregar lições e memórias de nossos antepassados, e pode ser um caminho para novos estudos nos campos da neuropsiquiatria, da obesidade, do diabetes e de outros distúrbios metabólicos que atingem várias gerações em uma mesma família.

efeitos transgeracionais são herdados por meio dos gametas parentais. Nossas descobertas fornecem uma estrutura para abordar como a informação ambiental pode ser herdada transgeracionalmente nos níveis comportamental, neuroanatômico e epigenético.

Interconexão


Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !

Mensagens Diárias do Arcanjo Gabriel de 27 a 31 de janeiro 2019

Domingo 27 DE JANEIRO DE 2019

Queridos, você não pode ser constrangido ou resistente e amar ao mesmo tempo. Você não pode ser limitado ou resistente e receber amor ao mesmo tempo. O amor é fluxo e expansão. Quando continuamos a impressionar você sobre a importância da rendição, fé, fluxo, modelo de confiança, estamos dando a você a combinação divina para a plena experiência do amor que existe para você e tem esperado pacientemente que você o abrace. ~ Arcanjo Gabriel através de Shelley Young

SEGUNDA-FEIRA 28 DE JANEIRO DE 2019

É importante lembrar que o desconforto é apenas uma ferramenta re-direcional. Sua alma está sempre buscando crescer e expandir, então qualquer coisa que bloqueie isso não será energeticamente apoiada. Se você está sendo resistente ao crescimento e expansão, seu desconforto só vai crescer até se tornar muito desconfortável para permanecer o mesmo e, nesse momento, você voluntariamente abraçará o movimento para a frente novamente. O desconforto terá servido a sua finalidade e diminuirá rapidamente.

Você não precisa esperar até que esteja nesse nível de desconforto para seguir adiante, Queridos. Você pode voluntariamente entrar no caminho da graça e da facilidade, permanecendo em entrega, fé, fluxo e confiança. Esteja disposto a explorar, ser curioso, para tentar coisas novas. Abra-se para qualquer mágica e maravilha que o universo deseje levar, sem restrições ou noções preconcebidas do que ela precisa, e você estará permitindo que sua alma faça o que deseja e seja projetada para fazer, e seu desconforto não seja mais uma necessidade. ~ Arcanjo Gabriel através de Shelley Young

TERÇA 29 DE JANEIRO DE 2019

Você aproveitará sem esforço todas as bênçãos do fluxo se simplesmente escolher mover-se com o que está sendo energeticamente apoiado em qualquer dia. ~ Arcanjo Gabriel através de Shelley Young

QUARTA 30 DE JANEIRO DE 2019

Para muitos de vocês, a perseguição injusta é uma ferida ou tema que está chegando para ser esclarecido. Se este for o caso, você pode fazer com que as pessoas o acusem de coisas que não são assim, interpretem mal suas intenções e não reflitam sua verdade. Enquanto você continua avançando em sua jornada de iluminação, você perceberá que brilhar sua verdade é mais um meio de auto-expressão do que provar qualquer coisa a alguém. Liberar essas antigas feridas permitirá que você abrace mais de quem você é, e conduza por essa verdadeira expressão energética de si mesmo que lhe permitirá continuar a criar e crescer e atrair para você aqueles que têm a capacidade de ver você em sua verdade. e autenticidade. ~ Arcanjo Gabriel através de Shelley Young

QUINTA-FEIRA, 31 DE JANEIRO DE 2019

Quando as emoções surgem para a rotulagem, elas podem ser um exercício muito útil, pois o ajudará a sentir-se nelas. Você pode se surpreender ao descobrir que uma vez que você se sentir em algo e rotulá-lo corretamente, ele irá se dissipar instantaneamente. Se persistir, sinta-se novamente para identificar outras emoções que possam fazer parte da mistura.

Por exemplo, você pode se sentir magoado com alguma coisa. Você se sente ferido e levanta um pouco, mas ainda há desconforto. Você se sente novamente e descobre a decepção. Após a liberação disso, você ainda sente desconforto e percebe que há tristeza. E talvez frustração. E sob isso, medo. Quão notável você avançou ao ponto de poder agora ficar com ela e curar muitas camadas diferentes de uma só vez!

Esta é a maneira de processar o que está pronto para sair e o que você deseja liberar, pois é através da exploração e nomeação da emoção que você lhe dá permissão para ir. Como com todas as coisas, seu livre arbítrio e sua própria orientação divina lideram o caminho. E, claro, estamos sempre disponíveis para ajudá-lo no processo, caso solicite nossa ajuda. ~ Arcanjo Gabriel através de Shelley Young

Arcanjo Gabriel através de  Shelley young

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas.

Tradução @Interconexão

À medida que eu me desperto, desperto você. Eu te desejo paz sobre todas as coisas.

O Kali Maluhia no me oe.

Início | Ferramentas Quânticas/Produtos |Mesa Radiônica Quântica|Reiki Gratuito | Atendimento e Alinhamento Energético|Terapia holística |Mapa Numerológico Cabalístico


Existem outros artigos relevantes para esse assunto: